Algodão Colorido Orgânico expande participação no mercado têxtil na Smart Creation

A Natural Cotton Color participa da Premiére Vision Paris e ocupa, de 11 a 13 de fevereiro, a Smart Creation – Área de Criação Inteligente. O espaço de inovação em insumos para a moda unifica os assuntos sustentabilidade e tecnologia para apoiar a indústria da moda criativa e sustentável. A área já é considerado o coração da maior feira de moda do mundo.

Com tecidos inovadores que podem ser produzidos em larga escala, como o Denim de Algodão Colorido Orgânico da Paraíba, a Natural Cotton Color navega no oceano azul da indústria têxtil. Desenvolvido em parceria com o Centro de Tecnologia Têxtil Senai Paraíba, o tecido do tipo sarja é produzido com algodão orgânico certificado, cultivado sem irrigação e que, mesmo sendo colorido, não passa por tingimento.

Além do Denim, a empresa apresenta malhas e moletons e, entre elas, a malharia retilínea, além de tecidos planos como o jacquard com nylon biodegradável e tecidos com intervenções feitas de forma artesanal. O grande lançamento na feira de negócios é um tecido inédito — feito com fio de algodão colorido orgânico e seda pura*. Com esta oferta, a Natural Cotton Color pretende alterar a dinâmica da concorrência no mercado da moda, oferecendo inovação de valor aos clientes com um tecido ecológico.

A principal característica para um produto navegar no oceano azul no mercado da indústria têxtil é a inovação de valor.

Ao desenvolver novos tecidos cuja cadeia produtiva é baseada nos pilares da sustentabilidade, a Natural Cotton Color quer repassar essa inovação de valor para os seus clientes e mostrar que é possível uma posição diferente dentro da ordem de uma indústria já existente. “Trabalhamos no setor da moda e esta é uma das indústrias mais poluentes do mundo. Queremos oferecer alternativas para uma moda limpa. E o mercado de moda sustentável busca insumos para uma produção ética, digna e justa”, esclarece Francisca Vieira, CEO da empresa.

Desde que iniciou a oferta de tecidos em larga escala, a empresa ampliou a visibilidade e conquistou parcerias. “Decidimos usar a estrutura da própria indústria têxtil para dar um salto e ampliar o cultivo do algodão colorido orgânico para atender a demanda”, diz.

Atualmente, o Arranjo Produtivo Local é composto de dois assentamentos entre outras pequenas propriedades de agricultores no sertão da Paraíba atraídos pelo contrato de compra garantida e o preço pago por quilo de algodão – o maior do Brasil. Para atender a demanda, a Natural Cotton Color dobrou a produção. A expectativa da colheita prevista para o final de 2020 é de 50 toneladas de pluma de algodão colorido orgânico.

Apesar do salto industrial com o desenvolvimento de tecidos inovadores no mercado, a marca não trabalha a competitividade a partir do preço. A estratégia da empresa é romper a relação custo-benefício — usual no discurso do mercado. “A indústria têxtil já compete nestes termos. Estamos oferecendo o que indústria nunca ofereceu. Não oferecemos apenas tecidos, oferecemos inovação de valor porque uma marca sustentável deve estar trabalhando ativamente a sua cadeia de valor e precisa de nossos tecidos”, diz.

A Natural Cotton Color marca presença em um espaço de mercado relativamente novo e de alto crescimento que é a moda sustentável. São três propostas que estão embutidas nos produtos – valor, lucro e pessoas.

Para que a estratégia seja bem-sucedida e sustentável a marca tem trabalhado para engajar consumidores criando parcerias com outros criadores e participando de eventos sobre sustentabilidade. “Precisamos gerar conhecimento e envolvimento dos consumidores porque são eles que vão ativar a indústria a fazer uma moda mais consciente”, diz.

A ideia não é superar a indústria têxtil existente, mas ser a melhor possibilidade dentro do setor.

“Nossa abordagem contribui para que a moda repense a sua produção e rompa com o comportamento de produzir apenas pelo lucro. Cada vez mais é importante pensar crescimento lucrativo com responsabilidade”, conclui Francisca.

smart-creation-natural-cotton-color-organic-cotton-brazil

A Natural Cotton Color expõe em Paris com apoio do TexBrasil – Programa de Internacionalização da Indústria Têxtil e da Moda Brasileira, desenvolvido pela Abit — Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção em parceria com a Apex-Brasil — Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos.

*O fio de algodão colorido orgânico com seda pura levou dois anos para ser desenvolvido. Ele projeto do fio inédito foi selecionado por meio de Edital de Inovação Industrial da Fiesp – 2017. O desenvolvimento do fio e do tecido foi realizado pelo Senai – SP. A Natural Cotton Color agradece a parceria da Bratac Seda – que forneceu a matéria-prima para os testes.

RelatedPost

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.